Local

Emalalheni (Witbank) África do Sul

Start-up

Fase 1: 2008 Fase 2: 2010 Fase 3: 2013

Fonte

Drenagem ácida de mina

Construção

Aveng Water (Pty) Ltd

Aplicação

Água potável

Usuário final

BHP Billiton & Anglo American

Capacidade

50 MLD

histórico

A Planta de Recuperação de Água de Emalahleni, localizada nas bacias de Witbank, na província de Mpumalanga, África do Sul, é a primeira e única drenagem de mina ácida (AMD) para planta de tratamento de água potável do mundo. A planta de dessalinização trata águas ácidas de mina salina e as converte em água potável de acordo com o padrão nacional sul-africano (SANS) 0241 Classe 0. Devido a desafios ambientais causados por recursos hídricos limitados, a Planta de Recuperação de Água de Emalalheni desempenha um papel importante na região para satisfazer a crescente demanda por água.

O processo de membrana de três estágios da planta trata as águas de drenagem de mina ácida (AMD) das operações de mineração de carvão. Vários sistemas de membranas de ultrafiltração e osmose reversa operam em série, o que oferece taxas de recuperação de água superiores a 97%. Em primeiro lugar, uma combinação de dois processos do conselho de pesquisa científica e industrial (CSIR) da África do Sul, a saber, os processos de neutralização de calcário/cal e de cristalização de gesso, é utilizada como pré-tratamento, seguida de filtros de areia verde para remover o manganês residual. 

Após essa fase de tratamento, a água é processada através de módulos X-Flow Aquaflex de membrana de ultrafiltração (UF) para remover quaisquer microorganismos e sólidos em suspensão. A etapa final de processamento é desempenhada usando as membranas de osmose reversa (RO). A salmoura (sais dissolvidos removidos das membranas de osmose reversa ), que é altamente saturada em sais de gesso, é tratada com cal para remover a supersaturação. Esse último ciclo é realizado três vezes para aumentar a recuperação de água, maximizar a remoção de sólidos e minimizar o volume de salmoura.

Desde 2013, um total de mais de 1.000 módulos Aquaflex de ultrafiltração influenciam positivamente todos os aspectos vitais do sistema de osmose reversa, tanto na consistência da qualidade da água de alimentação da osmose reversa, quanto no design de planta significativamente menor, com melhor desempenho e despesas de capitais (CAPEX) reduzidas.

CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA

qualidade da água

 parâmetro de qualidade da água unidades  água de alimentação (95 percentil)  água tratada 
 pH 2,7   6,0 - 9,0
 Acidez
mg/L como CaCo3  1050
 Condutividade elétrica
 mS/m
460   < 70
 Total de sólidos dissolvidos     
 mg/L
4930  < 450
 Cálcio, Ca
mg/L  660   < 80
 Magnésio, Mg
mg/L
230   < 30
 Sódio, Na
mg/L
130   < 100
 Potássio, K
mg/L  13   < 25
 Sulfato, SO4
mg/L
3090  < 200 
 Cloreto, Cl
 mg/L
70  < 100 
 Ferro, Fe
mg/L  210  < 0,01 
 Manganês, Mn
mg/L  35  < 0,05 
 Alumínio, Al
mg/L  40  < 0,15 

Escopo do fornecimento

400 módulos de ultrafiltração (UF) Aquaflex 40

695 módulos de ultrafiltração (UF) Aquaflex 55

Pentair logo

As part of its separation into a new pure play water company, a new Pentair website has launched. Please visit the new Pentair.com to learn more about our exciting new company and your favorite brands!